.





 

ESPÉCIES DO LOCAL E TAMANHOS MÉDIOS

Nos pesqueiros argentinos explorados pela "GÊMEOS", no Rio Paraná, encontram-se os maiores exemplares de dourados, surubins, jaús, cacharas, piaparas, pacus e piracanjubas.
É o local para o pescador buscar o seu troféu de água doce!


Dourado
São frequentes exemplares com mais de 15 Kg.
Época de maior frequencia: Agosto à Maio


Surubim
São frequentes exemplares com mais de 25 Kg.
Época de maior frequencia: Junho e Julho



Cachara
São frequentes exemplares com mais de 10 Kg.
Época de maior frequencia: Junho a Outubro.



Piracanjuba
São frequentes exemplares com mais de 2,5 Kg.
Época de maior frequencia: Setembro à Abril.



Piapara
São frequentes exemplares com mais de 3 Kg.
Época de maior frequencia: Setembro à Abril.



Pacu
São frequentes exemplares com mais de 10 Kg.
Época de maior frequencia: Ano todo



Jau
São frequentes exemplares com mais de 8 Kg.
Época de maior frequencia: Todo o Ano.